Orçamento gratuito online!

Postado em: 29/08/2018 09:31:00 por Equipe ConsertaSmart


Em julho, uma pesquisa da IDC mostrou que a Huawei já havia ultrapassado a Apple, constando como a segunda fabricante de smartphones com o maior número de vendas globais. Agora, um novo estudo do Gartner mostra que a chinesa continua à frente da Maçã, permanecendo no segundo lugar deste ranking.

O estudo considera os números obtidos no segundo trimestre do ano, mostrando que a venda total de smartphones para usuários finais cresceu em 2% no período, com a comercialização de 374 milhões de unidades. Desse total, a Huawei fica com 13,3% de participação, vendendo 49,8 milhões de aparelhos no trimestre em questão — percentual acima dos 9,8% registrados no mesmo período do ano anterior.

A Samsung continua no primeiro lugar da lista, com 19,3% do mercado no segundo trimestre de 2018, mas teve queda nesse sentido, já que, no mesmo período do ano passado, esse número era de 22,6%. Para o Gartner, esse cenário se explica porque, enquanto as fabricantes chinesas estão crescendo globalmente, a demanda por aparelhos topo de linha, que custam mais caro, está mais baixa, reduzindo, também, a lucratividade das fabricantes que mais apostam em flagships.

A Huawei vem sendo uma das poucas chinesas a nadar contra a corrente, com vendas crescendo em 38,6% no período analisado, enquanto as demais veem suas vendas caírem no ano a ano. E muito do "boom" da Huawei se dá graças à linha Honor de smartphones, que atende às necessidades do público intermediário, com preços mais acessíveis.

 

Para o diretor de pesquisa Anshul Gupta, "a Huawei continua trazendo recursos inovadores para seus smartphones e expande seu portfólio de aparelhos para cobrir os maiores segmentos de consumidores" e "seu investimento em construção de marca e posicionamento dos dispositivos Honor ajudou a impulsionar as vendas". O executivo afirma que "a Huawei está enviando seus smartphones Honor para 70 mercados em todo o mundo, o que está emergindo como o principal impulsionador do crescimento da companhia".

Outra chinesa, a Xiaomi aparece em quarto lugar no ranking do Gartner. No segundo trimestre, a empresa vendeu 32,8 milhões de aparelhos, com 8,8% de participação no mercado. Ainda, o estudo mostra que o Android, da Google, hoje tem 88% de participação no mercado de sistemas operacionais móveis, contra 11,9% do iOS, da Apple.

 

 

In July, an IDC survey showed that Huawei had already surpassed Apple, ranking as the second-largest smartphone maker with the most global sales. Now, a new study from Gartner shows that the Chinese continues ahead of Apple, remaining in second place in this ranking.

The study considers the numbers obtained in the second quarter of the year, showing that the total sale of smartphones to end users grew by 2% in the period, with the sale of 374 million units. Of this total, Huawei holds a 13.3% share, selling 49.8 million handsets in the quarter in question - up from 9.8% in the same period last year.

Samsung remained in first place on the list, with 19.3% of the market in the second quarter of 2018, but declined in that direction, since, in the same period of last year, that number was 22.6%. For Gartner, this scenario is explained by the fact that, while Chinese manufacturers are growing globally, the demand for expensive, high-end handsets is lower, as well as the profitability of the flagship manufacturers.

Huawei has been one of the few Chinese to swim against the tide, with sales up 38.6 percent in the period under review, while others see their sales drop year on year. And much of the "boom" of Huawei is thanks to the Honor line of smartphones, which meets the needs of the intermediate public, with more affordable prices.

For research director Anshul Gupta, "Huawei continues to bring innovative features to its smartphones and expands its handset portfolio to cover the largest consumer segments," and "its investment in brand building and positioning of Honor devices has helped drive sales ". "Huawei is sending its Honor smartphones to 70 markets around the world, which is emerging as the main driver of the company's growth."

Another Chinese, Xiaomi appears in fourth place in the Gartner ranking. In the second quarter, the company sold 32.8 million handsets, with 8.8% market share. Still, the study shows that Google's Android today has a 88% share of the mobile operating system market, compared to 11.9% for Apple's iOS.



Excelência em reparo de aparelhos eletrônicos. 400 Lojas em mais de 3 países.

Responsabilidade Social

A Rede Conserta Smart é comprometida com a melhoria do meio ambiente e o consumo responsável. Prolongue a vida útil de seus equipamentos ao invés de descartá-los.


A rede utiliza sistemas e processos online, objetivando transparência na execução de serviços. Todos os cursos e treinamentos são certificados para garantir total qualidade no atendimento ao cliente.


Quem pode abrir uma ConsertaSmart?

Qualquer pessoa empreendedora, não exigimos um perfil técnico. Conheça nossa Franquia. Conhecer mais...


Imprensa

Somos a maior referência em conserto de celulares na América Latina. Fornecemos relatórios e dados de mercado. Email: [email protected]

Orçamento rápido

Não, obrigado (x)